- abra sua mente, veja como eu... estou sorrindo a toa por um beijo seu... ♥

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009 23:37 Postado por Yanne Lívia.

Preciso te dizer que foi com você nesses quase sete meses que eu aprendi o que é ter um amor de verdade, aprendi que ter um namorado não basta, é preciso ter alguém que seja seu companheiro de verdade aquele que vai está ao meu lado não só nos momentos felizes e quando tudo anda bem, mas sim aquele que procura saídas para os meus problemas ou que ao invés de enxugar minhas lágrimas faz de tudo para que elas nem ousem cair.
Procuro sempre que posso demonstrar todo o amor que eu sinto por ti e sei que as vezes acabo exagerando mas é meu jeito de ser e de te mostrar o quanto é grande o meu amor por você.
Ao teu lado me sinto completa, você é aquilo que literalmente me faltava há tanto tempo, e sabe chegou na hora certa , soube conquistar de uma forma inexplicável um lugar único em meu coração.Tenho em você um porto seguro, o meu melhor amigo, aquele com o qual sou capaz de fazer minhas maiores loucuras ou até mesmo as maiores leseiras do mundo. Só tenho a te agradecer por ser essa pessoa tão especial em minha vida, por me fazer tão feliz e por estar ao meu lado quando eu mais preciso.
Por ser capaz de aguentar meus abusos e meu stress, por me dar um ombro amigo!
Com você venho aprendendo que amar é se entregar a algo desconhecido, algo que não sabemos onde vai chegar, amar é saber que somos capazes de tudo por amor, amor não se reparte, não se divide, amor nasce do nada e toma conta de tudo, e você hoje toma conta do meu coração,de todos os meu sentimento e da minha emoção.
Que seja sempre assim meu amor e desejo que não acabe nunca, mas também que seja eterno enquanto dure!

Sua Opnião: 

0 Response to "- abra sua mente, veja como eu... estou sorrindo a toa por um beijo seu... ♥"

Postar um comentário

Todo blogueiro sabe que a opinião de seus leitores é importante, então fique à vontade para expor a sua opinião. Obrigada :)

_

Durante muito tempo eu fiquei preocupado com o que os outros achavam ao meu respeito. Mas hoje, o que os outros acham de mim muito pouco me importa [a não ser as pessoas que me amam], porque a minha salvação não depende do que os outros acham de mim, mas do que Deus sabe ao meu respeito.